“É preciso plantar florestas para colher água” – Manifesto Rio Pardo Vivo

11355430_1109864632360857_1944103550_n

SOS! Nosso Rio Pardo corre perigo!

11225459_1102260456454608_5279095092146430492_n

150 sibipirunas serão plantadas no centro da cidade de Santa Cruz do Rio Pardo

Visando manter as características da arborização urbana no centro da cidade, especificamente nas duas avenidas centrais, Av Dr Ciro de Mello Camarinha e Av Batista Botelho, 150 mudas de  Sibipirunas de 3 metros serão plantadas nos canteiros laterais de ambos lados , esta ação faz parte da recomposição da espécie devido a retirada de algumas árvores já condenadas pelo seu envelhecimento. Esta recomposição foi aprovado  pelo  Comitê de Meio Ambiente municipal (COMMAN), aprovado pelo Ministériorio Público local.
O plantio faz parte do projeto Santa Cruz Mais Verde, gerenciado pela Ong Rio Pardo Vivo, que tem em sua supervisão e parceria a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e patrocínio de empresas de nossa cidade. O plantio sera efetuado dentro dos padrões da ABNT e se iniciará nesta terça, 28/04.

Rio Pardo recebeu mais 100.000 peixes juvenis

Nesta sexta-feira, 27/03/2015, em seu 5º aniversário o rio Pardo recebeu 100.000 novos peixes juvenis das espécies Pacú-Guaçú e Dourado. A ação de repeixamento do Pardo é uma das atividades ambientais desenvolvidas pela ONG Rio Pardo Vivo, organização esta lotada na cidade de Santa Cruz do Rio Pardo que atua na Bacia do rio Pardo que compõe quinze município do Centro Oeste Paulista, no qual o Pardo é o principal rio da Bacia Hidrográfica do Médio Paranapanema. Entre a ação de repeixamento do Pardo diversas atividades são desenvolvidas pela ONG, entre alas: recomposição de matas ciliares, proteção de nascentes, monitoramento da qualidade da água, Educação Ambiental etc …

O evento aconteceu na sede da Associação Sabesp e teve a presença de cerca de 300 estudantes das escolas de Santa Cruz, Espirito Santo do Turvo e Paulistânia e contou com a presença do Tiro de Guerra, autoridades e civis, onde os presentes puderam assistir a importância do rio Pardo em nossas vidas, palestra de reprodução de peixes exibida pela Duke-Energy, Teatro ambiental sobre uso racional da água e depois a soltura dos peixes no rio Pardo. Os peixes foram cedidos pela empresa Duke-Energy e evento teve como parceiros: Sabesp, Associação Sabesp, Prefeitura Municipal de Santa Cruz do Rio Pardo.

Nota: Devido as construções de barragens de geração de energia na Bacia do rio Paranapanema desde a década de 60, no qual o Pardo é tributário lado direito paulista no Paranapanema na Usina de salto Grande, a fauna aquática foi totalmente comprometida, onde os peixes praticamente foram extintos e comprometidos em seu processo migratório. Esta ação de mitigação ambiental visa melhorar a quantidade e qualidade da comunidade aquática dos rios: Rio Pardo, rio Turvo e seus afluentes.

Texto: Luiz Carlos Cavalchuki – Rio Pardo Vivo

Clique aqui para ver mais fotos do evento.

Ong Rio Pardo Vivo fará evento em comemoração pelo Dia Mundial da Água e Dia do Rio Pardo

No dia 27 de Março a Ong Rio Pardo Vivo em seu  5º ano consecutivo estará realizando o tradicional evento ambiental em comemoração pelo dia Mundial da Água e dia do rio Pardo, evento este que contará com palestras, teatro Ambiental e solturas de peixes no Pardo. O evento é aberto ao público que contará com 400 alunos da cidade e região.

panfleto_dia-mundial-agua-2015

ONG Rio Pardo Vivo tem membro no comitê de bacias

Pelo terceiro ano consecutivos a Ong Rio Pardo Vivo mantém cadeira no Comitê de Bacias Hidrográfica do Médio Paranapanema (UGRHI-17), composta por quarenta e duas cidades, representando a Sociedade Civil Organizada .  O Comitê de Bacia Hidrográfica é um órgão colegiado da gestão de recursos hídricos “PARLAMENTO DAS  ÁGUAS”, com atribuições de caráter normativo, consultivo e deliberativo e integra o Sistema Estadual de Gerenciamento de Recursos Hídricos e que aprova e fiscaliza projetos com recursos provenientes do FEHIDRO. A cadeira é representado pelo Presidente da Ong Luiz Carlos Cavalchuki.