Bueiros de Santa Cruz em reforma

Setenta e cinco bueiros (bocas de lobo) de Santa Cruz que deságuam no rio Pardo , ribeirões São Domingos e Mandassaia foram catalogadas pela ONG Rio Pardo Vivo devido estarem fora dos padrões , contribuindo com a poluição das águas de nossos rios através de carreamento de lixos em seus leitos.

Um termo de ajustes entre Ministério Publico do Meio Ambiente e prefeitura de Santa Cruz deu-se o início das reformas dos bueiros dentro das normas técnicas, ABNT. Ação visa a preservação da água de nossos rios e toda a sua fauna aquática.















  • Rio Pardo Vivo

  • Categorias

  • Arquivo do site