Rio Pardo recebeu mais 100.000 peixes juvenis

Nesta sexta-feira, 27/03/2015, em seu 5º aniversário o rio Pardo recebeu 100.000 novos peixes juvenis das espécies Pacú-Guaçú e Dourado. A ação de repeixamento do Pardo é uma das atividades ambientais desenvolvidas pela ONG Rio Pardo Vivo, organização esta lotada na cidade de Santa Cruz do Rio Pardo que atua na Bacia do rio Pardo que compõe quinze município do Centro Oeste Paulista, no qual o Pardo é o principal rio da Bacia Hidrográfica do Médio Paranapanema. Entre a ação de repeixamento do Pardo diversas atividades são desenvolvidas pela ONG, entre alas: recomposição de matas ciliares, proteção de nascentes, monitoramento da qualidade da água, Educação Ambiental etc …

O evento aconteceu na sede da Associação Sabesp e teve a presença de cerca de 300 estudantes das escolas de Santa Cruz, Espirito Santo do Turvo e Paulistânia e contou com a presença do Tiro de Guerra, autoridades e civis, onde os presentes puderam assistir a importância do rio Pardo em nossas vidas, palestra de reprodução de peixes exibida pela Duke-Energy, Teatro ambiental sobre uso racional da água e depois a soltura dos peixes no rio Pardo. Os peixes foram cedidos pela empresa Duke-Energy e evento teve como parceiros: Sabesp, Associação Sabesp, Prefeitura Municipal de Santa Cruz do Rio Pardo.

Nota: Devido as construções de barragens de geração de energia na Bacia do rio Paranapanema desde a década de 60, no qual o Pardo é tributário lado direito paulista no Paranapanema na Usina de salto Grande, a fauna aquática foi totalmente comprometida, onde os peixes praticamente foram extintos e comprometidos em seu processo migratório. Esta ação de mitigação ambiental visa melhorar a quantidade e qualidade da comunidade aquática dos rios: Rio Pardo, rio Turvo e seus afluentes.

Texto: Luiz Carlos Cavalchuki – Rio Pardo Vivo

Clique aqui para ver mais fotos do evento.















  • Rio Pardo Vivo

  • Categorias

  • Arquivo do site