Construção de Hidrelétricas no rio Pardo: Danos sociais, economicos e ambientais irreversiveis dentro da Bacia Hidragráfica do Médio Paranapanema

A Ong Rio Pardo Vivo continua  fazendo verdadeiros   esclarecimentos   para a população ribeirnha do rio Pardo, não apontadas  pelas empresas nas audiências públicas.

Centenas de pessoas  das cidades de Águas de Santa Bárbara e Iaras estiveram nas reuniões nas Câmaras Municipais, entre políticos, estudantes, Ongs e autoridades  puderam assistir palestras e esclarecimentos sobre os Impactos regionais sobre os estudos de  construções de hidrelétrica no rio Pardo.

A população cobra das autoridades o cancelamento das certidões e protestam contrárias as construções devido o grande impacto social, econômico e ambiental, sem nenhum retorno aos municípios, e com a geração ínfima de energia elétrica, defendendo que a região já contribui muito com o sistema e somente as usinas de cana produz três vezes mais energia elétrica  a base do insumo da cana de açúcar, sem destruir o meio ambiente.

  

Confira mais fotos clicando aqui.

















  • Rio Pardo Vivo

  • Categorias

  • Arquivo do site